Leite caseiro de cereais

Quer consumir mais fibras, minerais e ter mais saúde? Então, consuma leite caseiro de quinua, de arroz, de amêndoas, de gergelim, de coco, de castanhas e de outros cereais. Uma ótima opção para quem tem intolerância ao leite animal.  O ser humano é o único ser vivo que insiste em fazer uso do leite maternal após o desmame.

O médico nutrólogo Dr. Eric Slywitch, afirma que os leites vegetais apresentam vantagens: Contêm fibras que não são encontradas no leite de vaca, não contêm colesterol, apresentam um melhor perfil de lipídios e possuem propriedades antioxidantes – “muitas pessoas têm uma capacidade reduzida de digerir a lactose, apresentando distensão abdominal, gases, cólicas e diarreia”. Beber um leitinho de amêndoas ou uma suculenta vitamina feita com o leite de gergelim se revela em um carinho há tanto tempo esperado pelo seu fiel organismo.          Fonte: Revista dos Vegetarianos, seção Alimentação Saudável, edição 25.

  • Leite de quinua: Rico em proteínas, aminoácidos e vitaminas.
  • Leite de gergelim: O gergelim é ótimo para os músculos e o cérebro. Tem muita proteína e ácido fólico, essencial na formação das células sanguíneas.
  • Leite de girassol: É um poderoso antioxidante, e protege o organismo contra a poluição, o estresse e o envelhecimento precoce. É rico em proteínas e contém minerais como fósforo, cobre, ferro, zinco e vitaminas B6, E e K.
  • Leite de arroz integral: É um poderoso desintoxicante. Rico em proteínas, vitamina B1 e niacina – que transformam as proteínas e carboidratos em energia.
  • Leite de aveia: Contendo fibras solúveis, auxilia no controle da glicemia e por isso é importante na alimentação dos diabéticos. Rico em cálcio, ferro, magnésio, vitaminas do complexo B. Protege o coração e a circulação contra a aterosclerose.
  • Leite de semente de abóbora: Rico em ferro, fósforo e cálcio, é um grande aliado no combate à anemia e auxilia na produção de glóbulos vermelhos, na oxigenação das células e na formação de ossos, músculos e cérebro.
Anúncios

One response to this post.

  1. Posted by João Marcos Bertoldi on junho 5, 2012 at 2:23 pm

    E gostaria de acrescentar ainda outras vantagens de se substituir o leite animal pelo leite de cereais amêndoas e castanhas: (1) não tem a caseína, que é usada como cola na índústria de imóveis; aliás, levanto a hipótese – já que muitas pessoas tem problema de alergia ao leite, irritações intestinais, já correlacionadas à ingestão do leite – se isso não seria a caseína grudando nas delicadas vilosidades desse órgão; (2) não tem antibióticos, hormônios, e hormônios, tão utilizados na indústria leiteira; (3) não tem pus e sangue, resultante da extração da secreção mamária mecanizada; (4) não tem o sofrimento incomensurável de uma mãe apartada de seu bebê para fornecer leite para marmanjos de outra raça; (5) não tem o sofrimento da dor de se extrair o leite por um equipamento mecânico de uma teta com inflamação, praticamente, crônica – explico: na produção de leite industrial, aplicam-se hormônios para multiplicar a quantidade de leite, sobrecarregando a estrutura do úbere, que não foi feito para uma quantidade que pode chegar a várias vezes o que seria natural (já viram fotos das vacas “campeãs”, com suas tetas próximas ao chão?!); (6) finalmente, o leite de cereais e, principalmente, o leite de castanhas/amêndoas não contribuiu para o desmatamento tal como a pecuária bovina. Ao se optar por leite de castanhas, por exemplo, estar-se-á contribuindo para que as castanheiras seculares sejam mantidas em pé na Amazônia, ao invés de serem derrubadas para cederem lugar aos pastos e/ou plantações de soja, ambos utilizados para alimentar o gado. Bom, acho que é desnecessário explicar a grande diferença em se manter uma castanheira secular ou derrubá-las para se fazer pasto?

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: